Agência Minas Gerais | Governo de Minas lança campanha de enfrentamento à violência contra crianças e adolescentes

O Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social de Minas Gerais (Sedese-MG), lançou a Campanha de Enfrentamento à Violência contra Crianças e Adolescentes para alertar a sociedade, orientar sobre prevenção e divulgar canais de denúncia para as diversas formas de violência.

“Essa pauta é um convite à reflexão para a importância da garantia, da promoção e da proteção dos direitos em Minas Gerais”, destaca o subsecretário de Direitos Humanos da Sedese, Duílio Campos.

“Trata-se de uma grande campanha de mídia para o enfrentamento à violência contra as crianças e adolescentes no estado. A campanha contará com peças que serão distribuídas em Belo Horizonte, no interior, e até na zona rural”, completa Duílio.

 

Campanha

Foram produzidas placas de estrada, spot para rádios, filme educativo além de cartazes e adesivos para serem afixados em estabelecimentos comerciais e órgãos públicos com mensagens que estimulam as ações de proteção de crianças e adolescentes.

É o que destaca a diretora estadual de Políticas para Crianças e Adolescentes da Sedese, Eliane Quaresma. “A campanha diz que violência contra esse público é crime e precisa ser combatido. Dialoga com a sociedade ao falar sobre os canais de denúncia e o encaminhamento para a rede de proteção”, ressalta.

A Campanha de Enfrentamento à Violência contra Crianças e Adolescentes também será amplamente divulgada em redes sociais e enviada à rede integrada do Sistema de Garantia de Direitos, como por exemplo Conselhos Tutelares e de Direitos, Ministério Público e gestores municipais de assistência sociais.

Financiada com recursos do Fundo para a Infância e Adolescência (FIA), e aprovada pelo Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca-MG), a campanha pretende chamar a atenção sobre o tema, mobilizar, sensibilizar, informar toda a sociedade.

“É preciso garantir a todas as crianças e adolescentes o direito ao seu desenvolvimento de forma segura e protegida, livres do abuso e da exploração. Precisamos alertar que é dever de todos nós manter nossas crianças e adolescentes a salvo de toda e qualquer violência”, completa Eliane Quaresma.

Rede de vizinhos

Esta ação do Governo de Minas também busca alertar a sociedade e toda a rede de vizinhos, familiares e/ou amigos, que podem – e devem – denunciar caso presenciem ou ouçam qualquer ato de violência contra crianças e adolescentes.

Para denunciar, os seguintes canais são acessíveis: Disque 100, polícias Civil (197) e Militar (190), Ministério Público e os conselhos tutelares dos municípios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *