Cordelizando a história do Vale do Paraíba – Prefeitura Estância Turística Guaratinguetá

Na noite de ontem (05), o Multiuso foi palco de um evento importante: a tão aguardada noite de autógrafos dos alunos que colaboraram na criação do livro “Cordelizando a História e a Cultura do Vale do Paraíba”. Um feito notável que reuniu 80 cordéis, todos escritos pelos próprios estudantes da escola Virgílio Rosas.

Esse projeto literário teve início durante a Feira Literária de a Guaratinguetá(FLIG), onde os alunos foram desafiados a participar de um concurso de escrita de cordel. O tema girava em torno da “História e Cultura do Vale do Paraíba”.

O professor Maikel, responsável pela disciplina de História, desempenhou um papel importante ao contextualizar de forma interdisciplinar para os alunos do Ensino Fundamental II (do 6º ao 9º ano) o que significa um cordel, a história e a cultura envolvidas, bem como a importância do Vale do Paraíba para o contexto brasileiro.

As professoras Larisse e Marcilene, docentes de Português, assumiram a missão de conduzir o trabalho prático, envolvendo a escrita e a correção dos cordéis produzidos pelos alunos. A qualidade dos trabalhos se destacou, e, dentre os 30 finalistas do concurso, 11 eram da Escola Virgílio Rosas.

Depois de analisar a produção literária dos alunos, a coordenadora Keslin Andrade não hesitou em reconhecer a excelência dos cordéis. Foi a partir dessa percepção que surgiu a ideia de compilar e registrar as obras em um livro, eternizando a criatividade dos jovens escritores.

O livro “Cordelizando a História e a Cultura do Vale do Paraíba” não apenas é uma amostra da habilidade dos estudantes, mas também se torna um registro valioso da riqueza cultural e histórica da região do Vale do Paraíba, promovendo a valorização do patrimônio local. A noite de autógrafos se transformou, assim, em um evento especial que celebrou não apenas a conclusão de um projeto, mas também a capacidade dos jovens em expressar, por meio da poesia de cordel, as e belezas da nossa terra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *