Plano de treino: como fazer o seu? Porque é importante?

Alcançar bons resultados com atividades físicas requer muita disciplina e força de vontade. Mas, sem um plano de treino adequado todos seus esforços podem não adiantar nada. A rotina de treino precisa ser muito bem detalhada e seguida a risca. Assim será possível atingir seus objetivos.

Muita gente procura se exercitar com o intuito de perder peso. Afinal, emagrecer é um grande desafio, não é mesmo? Se você quer perder os seus quilos extras e de quebra tonificar o seu corpo, conheça esse plano de treino.

Plano de treino para emagrecer

Primeiramente, saiba que os resultados podem variar de uma pessoa para outra. Cada organismo reage aos exercícios de uma maneira. Alguns queimam gordura mais rápido que outros. Uns acumulam mais gordura que outros. O ideal é procurar um profissional para que ele possa adequar o plano de treino com o seu biotipo e o objetivo.

Esse plano de treino que apresentaremos é um plano excelente para emagrecer. Mas lembre-se: ele poderá apresentar resultados rapidamente ou demorar um pouco mais. Vai depender do seu organismo. Seja como for, não desista!

Pular corda

A brincadeira de criança ganhou a rotina dos adultos, mas ao invés da diversão, o objetivo é  emagrecer. Em média, 30 minutos pulando corda é capaz de eliminar aproximadamente 400 calorias. Esse exercício aeróbico também é excelente para trabalhar os membros inferiores e superiores e ainda deixar o bumbum durinho.

Para potencializar os resultados você deverá pular: 30 segundos devagar + 30 segundos em velocidade moderada + 30 segundos depressa + descanso. Essa sequência deve ser repetida durante 10 minutos por quem está começando. Quem já tem prática, deverá repetir por 30 minutos.

Agachamento

Esse é um exercício mais praticado por mulheres do que pelos homens, porém ele garante muitos benefícios para ambos. A princípio, ele é indicado para fortalecer e tonificar os glúteos e também os membros inferiores. Mas o agachamento também é excelente para melhorar sua postura e até mesmo o seu equilíbrio.

Fazê-lo é bem simples. Basta ficar com os pés afastados — um pouco a mais do que a largura dos ombros. Os pés deverão estar inteiros apoiados no chão. Os joelhos devem sempre estar alinhados com os pés. O peito deverá estar elevado e os ombros para trás.

Nessa posição, basta agachar, como se fosse sentar no meio de suas coxas. Abaixe-se até abaixo do nível dos joelhos e volte à posição inicial. Você poderá utilizar um peso nas mãos, como uma bola, ou um disco. Repita esse exercício em 3 séries de 15.

Polichinelos ou Jumping Jack

Esse é mais um exercício aeróbico: de longa duração e de baixa intensidade. Polichinelos é ótimo para quem quer se livrar dos quilos extras e da barriga indesejada. Para conseguir queimar 200 calorias é necessário fazer 1.000 polichinelos. Quem está começando geralmente consegue fazer cerca de 500 em 10 minutos, o que significa 50 calorias queimadas. Parece pouco, mas dependendo da sua agilidade, você poderá queimar o dobro disso.

O exercício é bem simples e geralmente aprendemos enquanto crianças. Em uma superfície plana posicione-se com os pés juntos e as mãos ao longo do corpo. Pule abrindo as pernas e ao mesmo tempo abra os braços acima da cabeça. Volte à posição inicial. Repita o movimento durante um minuto e descanse por 30 segundos. Faça ao menos 5 séries de polichinelos.

Abdominais

Esse é um dos exercícios mais conhecidos e praticados por quem busca a definição da região do abdômen. Abdominais são excelentes para tonificar os músculos e ainda fortalecê-los. De quebra, eles também contribuem para melhorar sua postura e o seu equilíbrio.

São vários os tipos de abdominais para incluir em seu plano de treino. Todos muito eficientes para seus objetivos.

Abdominal clássico

Deite-se no chão com uma mão em cada lado da cabeça. Dobre os joelhos e mantenha os pés totalmente apoiados no chão. Levante a parte superior — o tronco — em direção aos joelhos. A cabeça deve sempre permanecer erguida. Ao subir, exale o ar. Segure um segundo. Volte a posição original inalando o ar.

Abdominal com rotação

A posição inicial é a mesma. Porém, ao subir, gire para um dos lados e volte à posição original. Repita outra série girando para o outro lado.

Faça 3 séries de 12 repetições em cada um dos tipos de abdominais.

Seguir um plano de treino diário, com disciplina e força de vontade será decisivo em seus resultados finais. Por isso não desista logo nos primeiros dias, ok? Mantenha o foco!


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply