Ginástica Laboral – O que é, Como Fazer e Quais os Benefícios

Laboral é um termo que se relaciona com o trabalho, onde na raiz etimológica da palavra, labor é sinônimo de trabalho. Ginástica, por sua vez é uma série de movimentos que exigem força, flexibilidade e coordenação motora. Então, juntando as duas palavras podemos definir ginástica Laboral como movimentos de força e alongamentos realizados no trabalho.

Apesar de conhecer a prática, muita gente tem dúvidas de que movimentos realizar, sobre quem precisa praticar essa modalidade de exercícios, com que frequência e como deve ser feita a ginástica laboral. Tire aqui todas as suas dúvidas, conheça os benefícios e aprenda como fazer os exercícios:

O que é Ginástica Laboral?

fazer ginástica laboral

É uma prática de exercícios físicos dentro do ambiente de trabalho ou até mesmo dentro de casa, para ser feito pelos profissionais que fazem atividades repetitivas. A prática da atividade laboral não tem fins estético, mas sim, preventivo. Ao relaxar e alongar os músculos usados repetitivamente todos os dias, o funcionário pode diminuir as chances de prevenir lesões causadas por esforços repetitivos feitos no trabalho.

Veja aqui informações completas sobre a ginástica aeróbica e benefícios!

Assim, com essa simples atividade física – seja no local de trabalho ou em casa -, é possível trabalhar na prevenção de doenças ocupacionais, ganhar mais resistência muscular e evitar lesões e esforços desnecessários, tudo por meio da simples ginástica laboral, que é aplicada por um profissional de educação física.

Para que Serve?

A ginástica laboral tem como finalidade prevenir patologias relacionadas à atividades laborais repetitivas. Praticá-la pode ajudar na qualidade de vida e melhorar a saúde de pessoas que fazem esforços repetitivos, além de todos os benefícios da ginástica. Normalmente as próprias empresas disponibilizam um espaço no ambiente de trabalho, como um posto de trabalho.

É uma prática que valoriza o trabalhador e mostra a preocupação das empresas com seus empregados e sua saúde. Torna o trabalho menos desgastante e não compromete a qualidade de vida dos colaboradores que ajudam a desenvolver as atividades dentro da empresa durante o período de jornada de trabalho.

Quanto Tempo Deve Durar?

ginastica no trabalho

O recomendado é praticar ginástica laborar pelo menos 3 vezes na semana, durante 15 minutos por cada seção de alongamentos e exercícios, porém, a frequência e duração podem variar, de acordo com o tempo para a prática que a empresa disponibiliza para seus funcionários e que é realizada.

Ginástica localizada: veja os benefícios, vantagens e como fazer em casa!

Tipos de Ginástica Laboral

Existe mais de uma modalidade dentro da Ginástica laboral em si e geralmente as classificações variam de acordo com o horário em que a ginástica é feita. Cada uma tem um objetivo específico, variando o resultado final obtido. Conheça as modalidades:

  • Preparatória – Como o próprio nome já diz, seu objetivo é preparar o indivíduo para alguma tarefa física e por isso deve ser realizada antes do trabalho. Ela tem como fim aumentar a oxigenação nos tecidos e aumentar a frequência cardíaca. Ela é capaz de melhorar a concentração e disposição. A ginástica laboral preparatória inclui exercícios para a concentração, coordenação, flexibilidade, equilíbrio e resistência. Deve durar entre 10 e 12 minutos.
  • Compensatória – Ela tem como objetivo amenizar os danos causados durante a atividade, como esforço repetitivo ou uma postura não muito adequada. É capaz de aliviar as tensões musculares, prevenir a fadiga e eliminar resíduos metabólicos. Indicada para a correção de postura, são feitos exercícios respiratórios e exercícios de alongamento e flexibilidade.
  • Relaxamento – Seu maior objetivo é o relaxamento, por isso é feita ao final do trabalho, depois de um dia com muito esforço. Ela é capaz de aliviar tensões e até mesmo o estresse. Na prática são feitas automassagens, exercícios respiratórios, alongamentos e meditação.
  • Corretiva postural – Ela corrige a postura, exercitando os músculos menos utilizados no dia a dia.
  • Terapêutica – Trata patalogias, alterações na coluna, distúrbios e outras queixas dos trabalhadores. É um pouco mais longa, durando 30 minutos e sendo necessário um ambiente adequado.
  • Manutenção – Seu objetivo é manter o resultado dos trabalhos e físico de quem a pratica. É feita após ter atingido as correções musculares necessárias. Precisa-se de uma sala especial e dura de 45 até 90 minutos.

Quais os Benefícios?

ginastica laboral

A prática da ginástica laboral à longo prazo reduz o risco de LER (Lesão por Esforço Repetitivo), melhora a postura e com isso acaba com as dores na coluna, nos pulsos, braços, lombar e dores em greal. A ginástica laboral contribui para a qualidade de vida e evita o desgaste devido ao trabalho. Ela ajuda a relaxar, alivia tensões musculares, fortalece os músculos e é capaz até mesmo de melhorar a integração entre os funcionários.

A prática de atividades aumenta a liberação de endorfina no cérebro, hormônio responsável pelo bem estar. Isso torna o ambiente de trabalho mais leve, alegre e reduz o nível de estresse, melhorando a convivência entre os colaboradores e sua percepção da empresa.

Para a empresa, pode diminuir a frequência de afastamentos devidos à problemas de saúde ocasionados pelo trabalho. Isso porque ao tirá-los do sendentarismo, melhoram as taxas de glicose no sangue, colesterol e triglicerídeos. Eleva também o nível de produção, pois mantém longe a fadiga e indisposição e ajuda os funcionários a se manterem concentrados.

Referências Utilizadas Neste Conteúdos:

https://books.google.com.br/books?hl=pt-BR&lr=&id=iawbCgAA

https://books.google.com.br/books?hl=pt-BR&lr=&id=zXF_DwAAQBAJ&oi=fnd&pg=PT5&dq=Gin%C3%

http://177.38.96.106/index.php/revista/article/view/504


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 3,00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply