Elevação lateral – Para que serve? Quais os benefícios? Como Fazer em Casa?

A elevação lateral é um dos exercícios fundamentais para o fortalecimento e definição dos músculos. O que grande parte dos praticantes de atividades físicas não sabe é que existe a forma correta de se praticar esse exercício para se obter os resultados desejados. Os braços, os ombros e os cotovelos se movem segurando os halteres na altura dos ombros descendo até a lateral do corpo, sendo um dos melhores exercícios para a região.

Leia o artigo a seguir e saiba as principais informações sobre a elevação lateral, além de conseguir os tão sonhados músculos definidos. Para ver seus resultados você precisa fazer a elevação com uma certa frequência. Se preferir, pode ter o acompanhamento de um educador físico, mas não é necessário se a execução for feita da forma correta. Por isso veja nossas dicas e aprenda a fazer esse exercício de ombros em casa e saiba como evitar erro comuns:

elevação-lateral

Como funciona a elevação lateral?

A elevação lateral é um tipo de exercício que tem como principal objetivo desenvolver os músculos. Este exercício é considerado por diversos profissionais como um exercício “traiçoeiro”.

O exercício é considerado uma espécie de ponto fraco pelos praticantes de musculação, porque, quando a pessoa dá início aos exercícios, há a sensação de que os movimentos são fáceis e podem ser repetidos diversas vezes consecutivamente.

Porém, após realizar poucas repetições de movimentos, o exercício fica difícil de continuar a ser realizado. Para evitar este problema, é necessário executar os movimentos da forma adequada.

Quais os benefícios de se praticar elevação lateral?

A elevação lateral possui uma serie de benefícios para a musculatura. Os principais objetivos deste exercício são a definição dos músculos, fortalecimento dos músculos, articulações mais móveis, articulações estáveis e desenvolvimento de deltoides. Esse exercício ajuda a fortalecer a massa muscular da região e incluí-los em sua rotina de execício é uma das nossas dicas de treino.

Elevação Lateral de ombro

Diversas pessoas erram ao iniciar a elevação lateral, isso ocorre devido, visualmente, à prática do exercício ser considerado fácil de ser realizada. Porém, para realizar o exercício, são necessários alguns cuidados fundamentais para que a execução seja realizada do modo correto, na qual os resultados positivos são garantidos. Nesse treino de ombros, podem ocorrer diversos descuidos.elevação-lateral-exercicios

O primeiro passo para se realizar o exercício de forma correta é a abdução. Na abdução não existem segredos, o movimento é simples: estabilizar as articulações do punho e cotovelo para manusear da forma correta a carga de peso.

Para garantir a execução correta do exercício é necessário seguir alguns passos fundamentais para que tudo saia conforme o planejado, sendo os passos:

1º postura correta do tronco

Se preocupar com a postura correta do tronco é fundamental para a execução correta do exercício. Além de contribuir para que os resultados almejados sejam obtidos, a postura correta é fundamental para se evitar o risco de lesões que podem ser causadas pela postura incorreta. Fique de pé, com um pé um pouco afastado do outro, seguindo a linha do quadril. Não é preciso afastar muito as pernas, apenas o suficiente para se manter confortável.

2º Posição dos cotovelos e punhos

É de extrema importância que o punho e os cotovelos estejam posicionados de forma correta na hora de pegar o halter. Deixe as palmas das mãos voltadas para baixo, segurando os mesos, você deve manter suas palmas para baixo desde quado estiver com os braços baixos, como também quando elevá-los até a altura dos ombros. Não existe uma maneira diferente de pegar os alteras na leteral e na elevação. Referente ao cotovelo, é necessário que ele esteja flexionado, suavemente, para reduzir o impacto que o exercício causa.

3º Posição das escapulas

É importante que as escápulas estejam posicionadas da forma correta, pois isso fará com que a região peitoral fique mais estendida e todas as fibras de deltoide sejam utilizadas de forma eficaz para o treino. Faça a rotação externas dos ombros, mexendo a “asa” das costas, como se quisesse estufar o peito durante o peito. Quando sentir o peito para frente e as asas aparecendo, você está na posição certa.

As escápulas que se movimentarem durante o treino são algo comum e normal, porém é importante entender que se elas permanecerem neutras durante a execução do exercício ele não será afetado de nenhuma forma.

4º utilizar um ângulo de 90 graus

Para realizar o movimento correto não é necessário ir além do ângulo de 90 graus. Uma das principais importâncias deste ângulo é que, por meio dele, durante o exercício, o ombro alcança o chamado ponto de descanso, esse ponto é essencial para evitar o surgimento de lesões a longo prazo. Caso o ponto de descanso seja passado, o trapézio tende a reduzir a sensibilidade, o que faz com que se perda efetividade durante a execução do treino. Já a posição inicial na elevação, inclui os braços soltos ao lado do corpo.

Elevação lateral de pernas

Na elevação, existe elevação frontal, traseira e lateral. O exercício abaixo também é considerado elevação lateral, mas durante o movimento são trabalhadas as pernas. Para realizar esse exercício é necessário seguir os seguintes passos, veja quais os melhores jeitos para trabalhar os membros inferiores também:

  • Posicionar o corpo no chão, controlar o tronco e estabilizar a musculatura;Elevação-Lateral-das-Pernas
  • Deixar a coluna e as pernas em uma linha reta com o tronco. O braço de baixo deve ficar estendido com a palma da mão tocando o chão. O braço de cima deve ficar em frente ao corpo, com as escapulas encaixadas e estabilizadas sobre a superfície;
  • Após posicionar-se, o movimento a ser realizado é o seguinte: ao expirar as pernas, deve-se estende-las até o limite em que a estabilidade pélvica se mantenha imóvel, feito isso, o ar deve ser inspirado e as pernas voltadas. O movimento deve ser realizado de forma suave com total controle sobre a velocidade da execução do movimento.

Os principais objetivos desse exercício é fortalecer a musculatura das pernas, pelve e quadril.

Gostou da elevação lateral? Deixe o seu comentário.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply