Como tomar Sibutramina – Posologia para emagrecer e interações entre remédios

Apesar da tentação em emagrecer tomando remédio, é recomendado tomar Sibutramina somente quando há indicação médica para tal. No caso, a medicação dificilmente é indicada de imediato pelos médicos, uma vez que a lista extensa de efeitos colaterais da medicação força tentativas mais saudáveis antes de partir pra a Sibutramina.

Se você quer saber como tomar Sibutramina corretamente então procure primeiro um médico, pois é o profissional de saúde que deve recomendar a posologia mais indicada para o caso de cada paciente.

Além disso, esse também é o único modo de tomar Sibutramina de forma segura, visto que o remédio é regulamentado e, por restrições da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), só pode ser comprado mediante apresentação de prescrição.

sibutramina bula

Como tomar sibutramina para emagrecer

Segundo informações da bula da Sibutramina, deve-se tomar uma cápsula por dia. Dê preferência para tomá-la em jejum pela manhã. A posologia deverá ser ajustada por um médico, e poderá variar entre 5 a 20 mg dependendo do caso de cada um.

Análises sobre os efeitos da Sibutramina, indicam que ela garantirá um emagrecimento de pelo menos 2 kg nas primeiras 4 semanas de tratamento. Caso isso não aconteça significa que a substância não surtiu efeito no seu organismo e caberá ao médico recomendar outras alternativas.

O emagrecimento proporcionado pelo tratamento com cloridrato de sibutramina monoidratado é tido como coadjuvante, ou seja, deve ser feito aliado à outras estratégias de perda de peso – como a prática de exercícios físicos e uma alimentação hipocalórica. Inclusive, até faz parte de recomendações da bula esse tipo de atividade para que os resultados da medicação sejam ainda melhores.

:::: VEJA TAMBÉM ::::
Como emagrecer tomando Sibutramina – Manual Completo!

Por quanto tempo deve tomar?

O tempo médio de uso da Sibutramina é o de três meses a um ano completo, que é o tempo máximo. No entanto, a quantia deve ser ajustada por um profissional de saúde de acordo com as especificidades de saúde de cada paciente.

Quem é diabético, tem pressão alta, sofre de ansiedade ou possui riscos cardiovasculares deve usar Sibutramina por menos tempo do que pacientes que possuem somente sobrepeso, por exemplo.

Como tomar sibutramina 15 mg corretamente

Deve-se tomar uma cápsula de Sibutramina 15 mg por dia, preferencialmente pela manhã.Se o paciente preferir, a dosagem pode ser dividida em 3 vezes de Sibutramina 5mg para diminuir a intensidade dos efeitos colaterais.

Sendo assim, uma caixa com 30 cápsulas deverá durar um mês inteiro e a caixa com 60 cápsulas dois meses completos de tratamento.

Como tomar sibutramina 10 mg corretamente

Deve-se administrar uma cápsula de Sibutramina 10 mg por dia, preferencialmente de manhã antes da refeição. Tal dosagem tem efeitos colaterais mais controlados e, por isso, não é de praxe quebrar os comprimidos em duas doses por dia. Converse com o seu médico anteriormente caso tenha tido problemas recorrentes com as reações adversas da medicação.

Como parar de tomar sibutramina e não engordar

Um dos motivos pelo qual o tratamento com Sibutramina é considerado bastante delicado é que o tratamento é inteiramente perdido se o paciente não der continuidade à praticas saudáveis.

É muito comum casos de pessoas que utilizam Sibutramina sem receita médica, emagrecem até 10 kg em poucos meses. Param de usar e em questão de semanas estão com o mesmo índice de massa corporal que tinham antes de iniciar o uso da medicação.

Isso se deve ao fato de que a Sibutramina é considerada um tratamento coadjuvante e que deve ser aplicada em conjunto com uma reeducação alimentar, acompanhamento nutricional e a prática de atividades físicas.

Portanto, o segredo para conseguir parar de tomar Sibutramina é reduzir a medicação aos poucos (tomando um dia sim e um dia não até parar completamente) e não deixar em momento algum de levar uma vida ativa.

O ponto que os pacientes mais costumam sentir diferença é na sensação de saciedade. Isso ocorre porque a Sibutramina age no sistema nervoso central em neurotransmissores responsáveis por dar sensação de saciedade ao organismo, o que acabará controlando o seu apetite. Por isso, é comum que quem tome Sibutramina sinta menos fome e consiga manter a dieta com mais facilidade.

Mas se largar o remédio, a compulsão alimentar a vontade de se entupir de porcarias à tarde vêm à tona. Por isso, é tão recomendado o acompanhamento médico para quem faz uso da medicação. Assim, menores serão as chances de voltar a estaca zero e de se decepcionar com mais uma tentativa de emagrecimento frustrante.

Interações medicamentosas

A Sibutramina é um remédio para emagrece que atua no Sistema Nervoso Central, por isso, tem grandes chances de causar reações quanto interagida com outras substâncias.  Para evitar surpresas desagradáveis,  tire suas dúvidas sobre como tomar Sibutramina em conjunto com outras substâncias conhecidas, abaixo:

Pode tomar sibutramina com Fluoxetina?

Não é indicado tomar Sibutramina com nenhum inibidor seletivo de recaptação de serotonina, que é o caso de antidepressivos e/ou ansiolíticos como a Fluoxetina, Sertralina, Citalopram, entre outros. Isso porque essa classe de medicamentos costuma intensificar os efeitos colaterais da Sibutramina, que já são bastante perigosos por si só. Assim, ao tomar os dois ao mesmo tempo, o paciente estará aumentando grandemente as chances de ter um ataque cardíaco, pico de pressão ou transtorno de ansiedade.

Por isso, antes de fazer o uso de Sibutramina consulte um médico, não suspenda nenhuma medicação e nem interaja as substâncias antes de aferir com um profissional como você deve fazer a interação e se é recomendada fazê-la em seu caso clínico.

De repente, você pode descobrir que há formas melhores de emagrecer e reduzir a massa corporal, sem precisar colocar a sua saúde ou tratamento psicológico em risco.

Pode tomar corticoide com Sibutramina?

Não é recomendado misturar remédios corticoides com Sibutramina, uma vez que eles podem alterar o efeito do tratamento para emagrecimento. Portanto, se você faz uso contínuo de alguma medicação corticoide converse com um profissional antes de fazer a interação entre os remédios para prevenir possíveis danos.

Pode tomar Orlistat com Sibutramina?

Sim,pode misturar esses dois remédios para o emagrecimento – desde que a interação seja feita mediante recomendação médica. Inclusive, há estudos que mostram como a união das duas medicações colaborou para aumentar ainda mais a perda de peso de pacientes obesos.

Na prática, conquistou-se uma média de perda de peso até 3,2% maior do que o tratamento feito somente a base de Sibutramina. Ao todo, os 113 pacientes obesos que participaram do experimento conseguiram emagrecer uma média de 8,9 kg (menos 8,2% da massa corpórea inicial), enquanto que outras pesquisas de emagrecimento com uso de Sibutramina constataram uma perda de peso de 9,4 kg no mesmo período.

Pode tomar noz da índia com Sibutramina?

Não é recomendado tomar noz da índia para emagrecer em nenhuma hipótese, uma vez que pesquisas comprovam que o grau de toxidade dessa noz é alto, podendo gerar desidratação e fortes diarreias. Há até casos de morte(veja no vídeo abaixo) relacionados ao uso de noz da índica para o emagrecimento. Portanto, se ela por si só já é perigosa, torna-se mais ainda acompanhada da Sibutramina.

Outros tratamentos naturais para emagrecer, no entanto, como o uso do chá de hibisco e termogênicos naturais estão liberados pois seus efeitos colaterais são muito brandos. essas medidas, inclusive, podem te ajudar ainda mais na busca por uma mudança de rotina para uma versão mais saudável e que facilite a manutenção da boa forma.

Pode tomar Sibutramina e álcool?

Não faz mal tomar Sibutramina e álcool ao mesmo tempo, no entanto, regule as quantidades da bebida, pois em grandes quantidades a interação pode resultar em alterações das funções cognitivas e acelerar

Sibutramina corta o efeito do anticoncepcional?

Pode tomar o anticoncepcional e a Sibutramina ao mesmo tempo sem problemas, pois a medicação não corta o efeito da pílula e nem diminui a sua eficácia.

Referências usadas neste conteúdo

ARQUIVOS BRASILEIROS DE ENDOCRINOLOGIA E METABOLOGIA. Experiência Clínica com o Uso Conjunto de Sibutramina e Orlistat em Pacientes Obesos, 2000. Disponível em <http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0004-27302000000100016&script=sci_arttext>

AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA. cloridrato de fluoxetina: bula 10 mg. Disponível em <http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/frmVisualizarBula.asp?pNuTransacao=24733012016&pIdAnexo=4007857>

AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA. Cloridrato de sibutramina monoidratada: bula de 10 mg e 15 mg. Disponível em <http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/frmVisualizarBula.asp?pNuTransacao=23798272016&pIdAnexo=3947313>

FACULDADE DE CIÊNCIAS DE SÃO PAULO. Plantas tóxicas. Disponível em <http://files.fitobotanica.webnode.com.br/200000021-15be616b85/Plantas_toxicas.pdf>

G1, GLOBO. Noz da Índia, suposto emagrecedor, pode ter causado morte de jovem, no Cariri. Disponível em <http://g1.globo.com/ceara/cetv-1dicao/videos/t/edicoes/v/noz-da-india-suposto-emagrecedor-pode-ter-causado-morte-de-jovem-no-cariri/6966500/>


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply