Óleo de Rícino – Como funciona no cabelo e no corpo: veja como usar

O óleo de rícino é um extrato das sementes de mamona, uma planta medicinal usada como laxante natural que passou anos sendo utilizado pela indústria, mas recentemente se tornou popular na área de saúde por conter diversas propriedades benéficas para a pele, cabelos e manutenção do peso corporal.

Aqui você confere um manual de como usar o óleo de rícino para estimular a sua saúde e manter a sua juventude dos cabelos e da pele.

Para que serve o Óleo de Rícino?


  • Hidrata os cabelos;
  • Controla a oleosidade da pele;
  • Reduz a proliferação de bactérias;
  • Hidrata a pele;
  • Ajuda a cicatrizar machucados;
  • Limpa o couro cabeludo;
  • Restaura os fios;
  • Controla o colesterol;
  • Ajuda no tratamento da caspa e dermatite seborreica;
  • Fortalece os fios da sobrancelha;
  • Estimula o crescimento dos cílios;
  • Aliviar dores musculares e articulares;
  • Estimula o crescimento capilar;
  • Aumenta a elasticidade da pele;
  • Previne o envelhecimento da pele.

Como usar o óleo de rícino

O óleo de rícino pode ser utilizado para diversas finalidades. Abaixo, você aprende como usar o extrato da semente de mamona para usufruir das principais propriedades dessa planta medicinal.

1 – Como usar óleo de rícino como laxante natural

O óleo de rícino, se usado em doses moderadas, funciona como um laxante natural, afinal, por ser altamente lubrificante chega no intestino e promove uma melhor formação do bolo fecal – funcionando de forma muito semelhante às fibras.

O laxante natural à base de rícino também é recomendado para crianças que sofrem com constipação intestinal. Entretanto, para que os pequenos não reclamem é recomendado misturar o óleo à sucos ácidos como de laranja ou maracujá para tornar a mistura mais saborosa.

O efeito laxante demora entre 2 a 5 horas para fazer o efeito e realiza uma limpeza completa do intestino. Cuidado com altas dosagens, pois em excesso, pode causar diarreia.

Como usar:

  • 1 a 3 colheres de sopa para adultos;
  • 1 a 2 colheres de chá para crianças de 2 a 12 anos;
  • 1 colher de chá – para crianças menores de 2 anos de idade.

2 – Como usar óleo de rícino no cabelo

Um dos principais usos do óleo de rícino no campo da saúde é para promover a saúde e crescimento dos cabelos. Inclusive, desde a descoberta de pesquisas científicas que comprovam seus benefícios para o couro cabeludo, o óleo se tornou matéria prima para shampoos, condicionadores e cremes de hidratação capilar.

>> Veja aqui as 7 melhores receitas caseiras com óleo de rícino para os seus cabelos !! <<

Para hidratar o cabelo


Segundo pesquisas o óleo de rícino tem excelente capacidade de hidratação. Portanto, se o seus cabelos estão quebradiços, com pontas duplas ou ressecados misturar um pouco do óleo ao condicionador é uma estratégia eficiente para recuperar o brilho e vitalidade dos fios.

Estudos evidenciam que quando aplicado no couro cabeludo, o o óleo forma uma camada protetora que sela as cutículas capilares e evita a perda de água e o ressecamento dos fios ocasionado pela exposição ao sol.

Para cabelos cacheados tais propriedades são ainda mais requisitadas, uma vez que ajudam na fixação dos cachos e na garantia de volume e brilho para a cabeleira. Veja nas fotos de antes e depois o resultado da aplicação desse hidratante natural:

Além disso, o óleo de rícino ajuda na restauração de cabelos quimicamente tratados, uma vez que a presença de ômega 3 e ômega 6 do extrato funcionam como poderosos antioxidantes, estimulando a renovação das células capilares.

óleo de rícino para cabelos cacheados - Antes e Depois

Como usar:

  • Misture duas colheres de sopa de rícino ao condicionador e use-o depois de lavado. Enxague em água morna a fria ou
  • Faça uma máscara de hidratação à base de óleo de rícino. Basta passá-los nos fios e deixar agir por 15 minutos. Depois, lave com água corrente e um pouco de shampoo para ajudar a retirar o excesso de óleo.

Para tratar a caspa

O poder hidratante do óleo de rícino associado ao fator antibactericida do extrato das sementes de mamona tornar a mistura um tratamento natural para caspa e dermatite seborreica.

Quando aplicado na cabeça, as propriedades antibactericidas e antifúngicas do óleo evitam a proliferação de micro-organismos estranhos que levam ao enfraquecimento dos fios e irritação do couro cabeludo.

Como usar: 

  • Passar duas colheres de sopa de óleo de rícino no couro cabeludo seco e massagear com as pontas dos dedos por cerca de 5 minutos. Enxaguar em seguida.

Para promover o crescimento capilar

Pesquisas feitas com 30 voluntários divididos em 2 grupos fizeram demonstraram que a aplicação contínua do óleo de rícino por 60 dias garantiu um crescimento capilar mais acelerado e melhorou a vitalidade dos fios daqueles que fizeram o uso do extrato.

Segundo os pesquisadores, tal efeito se deve às propriedades anti-inflamatórias do óleo e também a sua capacidade de estimular a circulação sanguínea, garantindo assim, a melhor nutrição dos fios.

A fórmula para o crescimento capilar é divulgada em estudos que aconselham a preparação de uma solução a base de óleo de rícino, glicerina e água. Se quiser, pode usar um emulsificante para ajudar na aplicação.

Inclusive, experiências de usuários garantem que se usado nas sobrancelhas e nos cílios também há a promoção do crescimento dos fios – tanto é que é usado por muitos como rímel natural caseiro.

Confira nos depoimentos de antes e depois os efeitos do crescimento capilar à base de óleo de rícino:

Antes e Depois Óleo de Rícino para crescer cabelo

Como usar: 

  • Misturar duas colheres de sopa cheias de óleo de rícino com 1 xícara de glicerol e água. Se quiser, misture com creme passar passar no couro cabeludo. Deixar agir por 15 minutos e enxaguar em seguida. Repita esse processo diariamente por 60 dias.

óleo de rícino para cílios

Como fazer o rímel natural caseiro:

  • Coloque numa panela em fogo brando uma colher de sopa de cera de abelha e duas colheres de sopa de óleo de rícino. Misture bem até levantar fervura. Espere esfriar e misture com pó de carvão ou cacau para dar consistência. Aplique aos cílios.

Realçar a cor dos cabelos

O óleo de rícino ajuda a realçar a cor dos cabelos porque é um umectante natural, ou seja, protege os fios da umidade do ar. Dessa maneira, tanto a tintura química quanto ao tom natural, pois preserva a umidade natural da raiz as pontas.

Óleo de Rícino na cor do cabelo - Antes e Depois

Como usar 

  • Aplicar após lavar o cabelo no comprimento dos fios e secar levemente com uma toalha.

3 – Para controlar a acne e oleosidade da pele

Como o óleo é um umectante ele ajuda a controlar a oleosidade da pele, o que é ideal para quem tem problemas com espinhas e cravos. Além disso, porque o rícino tem propriedades antimicrobianas e anti-flamatórias ele ajuda a evitar as inflamações de pele, inclusive a da acne.

óleo de rícino para acne - Antes e Depois

Como usar:

  • Aplique o óleo de rícino  com ajuda de um cotonete ou algodão diariamente por duas semanas consecutivas, preferencialmente à noite ou logo depois do banho quando os poros estão abertos.

4 – Prevenir o envelhecimento da pele

O óleo de rícino é cheio de antioxidantes, por isso, aplicar todos os dias na sua pele vai te ajudar a manter a juventude da sua pele e garantir que ela esteja protegida contra as ações do tempo e, sobretudo, do sol.

Além disso, as propriedades antibactericidas do extrato são essenciais para manter os poros limpos e, consequentemente, livre de lesões que podem resultar em manchas e cicatrizes.

Óleo de Rícino para pele

5 – Aliviar a dor muscular

O óleo de rícino é considerado um óleo quente, isso porque quando aplicado na pele ele gera uma sensação de aquecimento que ajuda a tratar dores musculares, sobretudo as resultantes de tensão ou após trabalho excessivo.

Como usar:

  • Aplique o óleo sobre a região dolorida e faça massagem em movimentos circulares, esfregando-o.

6 – Aliviar a dor nas juntas

As propriedades analgésicas e anti-inflamatórias correspondem à algo como 90% do extrato da semente de mamona. Conforme demonstram estudos, o óleo tem a capacidade de desobstruir o sistema linfático, garantindo que os vasos fiquem com a circulação livre e fluida, prevenindo o acúmulo de líquidos nas juntas.

Como usar:

  • Em cápsulas ou junto à vitaminas e iogurtes. Duas colheres de sopa por dia é o suficiente para ajudar no alívio das dores. Cuidado com abusos.

7 – Tratar infecções causadas por fungos

Infecções fúngicas comuns tal como a candidíase vaginal, por exemplo, também podem ser tratadas com a ajuda das propriedades anti-fúngicas do óleo de rícino. Desse modo, ele acaba por servir como um verdadeiro remédio natural para se ter em casa na hora de combater eventuais infecções bacterianas ou fungicidas.

Como usar:

  • Aplicar no local contaminado, massagear e deixar agir tal como uma pomada. Tomá-lo por meio de cápsulas também pode ajudar no tratamento.

Propriedades do óleo de rícino

Todas as propriedades já citadas e os benefícios que serão abordados a seguir, só existem por causa dos componentes presentes no óleo de rícino. Seus principais nutrientes são:

  • Ômega 9 (ácido oleico);
  • Ômega 6 (ácido linoleico);
  • Ácido palmítico
  • Ácido esteárico;
  • Ácido ricinoleico;
  • Ácidos graxos;
  • Vitamina E;
  • Sais minerais;

Além destes, outros componentes do óleo de rícino são os ácidos graxos, como o ácido ricinoleico, ácido linoleico, ácido palmítico e ácido esteárico.

Óleo de Rícino - Como funciona

Efeitos Colaterais

Apesar de oferecer excelentes benefícios para todo o corpo, o óleo de rícino pode causar sérios efeitos colaterais se utilizado de forma incorreta ou em excesso. Por isso, é preciso saber a quantidade indicada e o modo de uso correto do óleo de rícino de acordo com seu objetivo.

Se usado de forma incorreta, os possíveis efeitos colaterais são:

  • Diarreia;
  • Náuseas;
  • Dor abdominal;
  • Cólicas;
  • Desidratação;
  • Alergias de pele.

Contraindicações

Ele não é indicado para:

  • Gestantes;
  • Lactantes;
  • Pessoas com qualquer doença ou irritação intestinal.

Agora que você já conhece todas as funcionalidades do óleo de rícino basta incluí-lo no dia a dia tal como demonstram as recomendações e ver os efeitos acontecerem no seu corpo.

Onde encontrar óleo de rícino

O óleo de rícino pode ser encontrado em farmácias, lojas de produtos naturais e com venda online em sites diferenciados, inclusive em plataformas colaborativas como o Mercado Livre.

Pode-se encontrar várias formas do óleo de rícino, prefira aquelas que não há a inclusão de conservantes e espessantes. Pode-se vê-lo em forma de óleo, cremes ou em cápsulas.

Preço e como comprar

O preço do óleo de rícino varia muito conforme o local que o vende, entretanto, pode-se dizer que a média de preço é de R$ 30,00 a R$ 50,00 para um pote de 400 ml, em média.

Referências usadas neste conteúdo

GRIESBACH, et al. Cosmectic Hair Preparations, 1999. Disponível em <https://patents.google.com/patent/US6497865B1/en>

FRANCISCO, Talita. Eficácia do óleo de rícino no crescimento capilar, 2018. Disponível em <http://dspace.fasf.edu.br/handle/123456789/52>

MESQUITTA, Trevor. Hair Growth Preparation, 1997. Disponível em <https://patents.google.com/patent/US5827510A/en>

JOURNAL OF ETHMPHARMACOLOGY. Various uses of the castor oil plant (Ricinus communis L.) a review, 1982. Disponível em <https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/0378874182900381>

US NATIONAL LIBRARY OF MEDICINE. Castor Oil: Properties, Uses, and Optimization of Processing Parameters in Commercial Production, 2016. Disponível em <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC5015816/>


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply