Cardápio para a dieta dukan – Quais os principais alimentos?

A dieta Dukan é uma dieta baseada especialmente em proteínas que foi criada pelo médico francês Pierre Dukan, que explicou toda a receita em seu livro “Não consigo emagrecer”. A dieta é dividida em quatro fases: ataque, cruzeiro, consolidação e estabilização. Na primeira fase a alimentação é voltada para as proteínas e com o tempo a alimentação vai depender da quantidade de peso que o indivíduo conseguir perder. De acordo com o autor da dieta e do livro, é possível emagrecer cinco quilos já na primeira semana.

Essa dieta é uma opção interessante para quem deseja emagrecer de forma mais rápida, mas ela não modifica os seus hábitos alimentares para a sequência de sua vida. Por isso, em alguns casos as pessoas acabam recuperando o peso perdido em pouco tempo, com exceção de quem adotou outras dietas, menos restritivas, para se adequar à nova realidade e ao novo peso.

[CONFIRA TAMBÉM: GUIA COMPLETO SOBRE A DIETA DUKAN]

alimentos dieta dukan

Como funciona a dieta Dukan?

Dividida em quatro fases, a dieta Dukan começa pela fase de ataque. Aqui é liberado apenas o consumo de alimentos ricos em proteínas, sendo terminantemente proibido aqueles que são fontes de carboidratos, frutas e doces. Essa fase costuma durar de três a sete dias e pode-se perder de três a cinco quilos.

A fase seguinte é a chamada cruzeiro, quando é introduzido no cardápio alguns legumes e verduras, que devem ser ingeridos crus ou cozidos em água e sal. Os temperos permitidos são: azeite, limão, salsa, alecrim e vinagre balsâmico. O carboidrato ainda é proibido e o único doce liberado é a gelatina light. A fase dura sete dias e a alimentação deve ser intercalada, sendo um dia de proteínas e outro de proteínas com os vegetais.

A consolidação é a terceira fase, quando é liberado o consumo de duas porções de frutas, duas fatias de pão integral e uma porção de 40 gramas de qualquer queijo, além, claro, das proteínas e vegetais. Também é permitido comer uma porção de carboidrato duas vezes por semana, casos do arroz integral, do macarrão integral ou feijão. Aqui também pode-se ter duas refeições livres com alimentos dentro da dieta com um copo de cerveja ou uma taça de vinho. Essa fase dura 10 dias para cada quilo que a pessoa queira perder.

A quarta e última fase é a da estabilização. Nessa é pedido que se faça uma vez por semana a dieta da proteína da primeira fase. Além disso, é preciso fazer ao menos 20 minutos de atividade física diária, usar as escadas ao invés do elevador, beber ao menos dois litros de água por dia e comer três colheres de farelo de aveia todos os dias.

Principais alimentos e seus benefícios

dieta dukan

A dieta Dukan apresenta uma lista com 100 alimentos que podem ser ingeridos normalmente e formam a base desta alimentação. São 68 tipos de proteínas magras e 32 vegetais diversos. Veja alguns dos principais

Carnes magras

Coxão mole, filé mignon, fraldinha, pernil suíno magro, costelas de porco magras, fatias magras de rosbife, coxão mole suíno, lombo suíno, bacon com redução de gordura, bacon de soja, vitela e carne de veado. Entre os benefícios, podemos citar que as carnes são fontes de proteínas que são vitais para o nosso corpo e contém vitaminas que não são encontradas em nenhum outro alimento. A vitamina B12 e o ferro estão entre os principais nutrientes da carne.

Aves

Fígado de frango, galinha, salsichas de frango e peru sem gordura, frios com redução de gordura de frango ou peru, avestruz, codorna, peru e pato. Além de possui menos calorias em relação às carnes vermelhas, a carne branca tem proteínas de alto valor biológico, tais como zinco, ferro e menores quantidades de colesterol e gordura saturada.

Frutos do mar e peixes

Todos, sem exceção, podem ser consumidos. Em geral todos são ricos em nutrientes, sendo que peixes como salmão, sardinha e arenque possuem grandes quantidades de ômega 3, enquanto que o camarão e a lula, por exemplo, são fontes de zinco.

Laticínios sem gordura

Queijo cottage, cream cheese, leite, iogurte grego, ricota. Tais alimentos, além de possuírem menos gordura, ajudam a oferecer proteínas, cálcio e vitamina D que são importantes para a saúde dos ossos, por exemplo.

Ovos

em especial os de codorna. Ricos em vitamina A, esses ovos ajudam a melhorar a visão, além de estimular o crescimento e controlar os níveis de colesterol. O potássio presente no alimento auxilia também na redução da pressão arterial.

Vegetais

Alcachofra, aspargo, brotos de feijão, beterraba, brócolis, couve-de-bruxelas, repolho, cenoura, couve-flor, aipo, pepino, berinjela, chicória, couve, alface, rúcula, cogumelos, quiabo, cebola, cebolinha, palmito, pimenta, abóbora, rabanete, espinafre, tomate, nabo, agrião, abobrinha.

Além de consumir proteínas, ponto central da dieta Dukan, a ingestão de vegetais é fundamental para o organismo, afinal de contas, esses alimentos são ricos em vitaminas, fibras e minerais essenciais para o corpo humano. Além disso, os vegetais ajudam na digestão, fortalecem o sangue e possuem inúmeros antioxidantes responsáveis por eliminar os radicais livres e deixar o sistema imunológico saudável.

[CONFIRA TAMBÉM: ALIMENTOS QUE ACELERAM O METABOLISMO]


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply