Alongamento para Peito: Veja as melhores dicas de como fazer

Você provavelmente sabe que a prática regular de exercícios físicos é importante para a saúde do corpo e da mente. Entretanto, existe outra forma de atividade que deve estar presente em nosso dia a dia: o alongamento.

Alongar classifica os tipos de exercícios que relaxam os músculos e melhoram a flexibilidade. Na parte do peito (ou peitoral), os alongamentos são essenciais para que a falta deles não afete outras regiões do corpo.

Conheça os benefícios do alongamento e da postura correta, além de conhecer quais são os 5 alongamentos mais comuns e recomendados para o peitoral. Veja aqui o alongamento de peitoral mais indicado, como se alongar corretamente, todos os cuidados necessários com os ombros, com o movimento atrás da cabeça e da posição inicial.

Razões para alongar

Alongamento peitoral

O alongamento implica diretamente no bom funcionamento do corpo humano. Sua maior função é fazer com que os músculos relaxem, proporcionando e garantindo a natural flexibilidade dos mesmos. Por outro lado, os exercícios de alongamento também te ajudam para que tenha uma musculatura mais forte, veja mais detalhes de peitoral treino abaixo.

Isso se torna importante, principalmente, antes dos treinos: o alongamento aquece os músculos para evitar possíveis lesões, caso haja a prática errada ou em demasia de algum exercício.

>>>> Veja aqui quais são os melhores treinos de peito indicados por especialistas! <<<<

Maior agilidade ao corpo também é uma vantagem do alongamento quando feito de maneira regular. Outros benefícios para você adotar os alongamentos no seu cotidiano são:

  • Ativam a circulação sanguínea;
  • Faz com que os movimentos fiquem mais leves e soltos;
  • Melhora a postura;
  • Reduz a tensão muscular.

Para realizar um alongamento correto, é preciso seguir 4 orientações:

  1. Respiração fluída: ao começar o alongamento, você deve inspirar. Quando chegar à posição, expire e depois continue respirando de maneira normal e lentamente.

Tenha em mente que se você sentir sua respiração limitada é porque você não está relaxando.

  1. Você não pode sentir dor ao fazer alongamento: na realização do alongamento, você deve sentir somente uma pequena tensão – a dor só vai aparecer quando você cruzar o seu limite.

No caso, você estará estirando as fibras musculares mais do que o necessário.

  1. Relaxe o corpo inteiro: independentemente da região a ser alongada, todo o seu corpo precisa entrar em processo de relaxamento,
  2. Permaneça na posição: evite balançar o corpo ou realizar pulsos pequenos acreditando que o alongamento será mais eficaz.

O estiramento, nessas situações, irá causar o contrário e, a longo prazo, os músculos irão perder sua elasticidade.

Assim como o alongamento tem sua importância e merece cuidados, a postura é algo imprescindível para a qualidade de vida. Uma boa postura vai além da questão aparência, pois ela reflete o comportamento dos músculos e sua funcionalidade quando há realização de qualquer movimento corporal.

>>>> Clique aqui e veja todos os exercícios de supino mais indicados, como executar e cuidados necessários!!! <<<<

Para manter uma boa postura, você deve prestara atenção nela e procurar manter o equilíbrio de sua musculatura através de exercícios posturais regulares, sem esquecer dos alongamentos.

Alongamento para peito – veja quais fazer

Alongamento peitoral2

O alongamento para peito se direciona na região acima do abdômen, favorecendo a postura, uma respiração mais apropriada e na diminuição de dores nos ombros, por exemplo.

Confira os 5 mais indicados e comuns alongamentos para o peito:

Alongamento para o músculo peitoral maior

Em pé em frente a uma parede, estenda o braço de forma horizontal ao longo da parede. Movimente-se de maneira rotacional com o corpo para fora, segurando-se nessa posição por pelo menos 30 segundos.

Depois, é só repetir com o outro braço.

Alongamento acima da cabeça

Em pé, entrelace os dedos das mãos e erga os braços acima da cabeça. Empurre os braços para trás para forçar o peitoral para a frente.

Fique na posição por no mínimo 20 segundos.

Alongamento dinâmico

Também em pé, esse alongamento – assim como qualquer outro – exige uma postura correta. Estenda os braços para frente e una suas mãos.

Estique os braços e passe-os por cima de sua cabeça, levando-os para trás o máximo que conseguir. Lembre-se de não forçar o tronco.

Alongamento com cotovelos para trás

Em pé e com o corpo reto, coloque suas mãos na região lombar – seus dedos devem ficar apontando para baixo, assim como seus cotovelos precisam estar dobrados para fora.

Puxe gentilmente os cotovelos para trás para sentir a tensão.

Alongamento com pressão no chão

Deite-se no chão (em uma esteira, claro), de bruços. Mantenha o corpo totalmente reto e os cotovelos abertos. Suavemente, faça uma pressão de seus cotovelos contra o solo.

Não perca o alinhamento do pescoço, por isso fique sempre olhando para o chão. Permaneça na posição por 20 a 40 segundos.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply