Ácido Fólico – Para que serve, Melhora o cabelo? Como usar?

O ácido fólico, também conhecido como folato ou vitamina B9, é uma vitamina muito importante para o corpo humano, já que ela é responsável por inúmeras funções no organismo. Entre elas está a formação das células sanguíneas e a manutenção da atividade cerebral.

O folato está presente de forma natural em diversos alimentos da dieta diária, como as folhas verdes escuras, frutas, leguminosas, ovo carnes e vísceras. Os alimentos mais ricos dessa substância são: fígado de vaca, feijão, salsa, flocos de milho, aspargo, espinafre e couve de Bruxelas.

Há também a farinha de trigo enriquecida com ácido fólico. Ela pode ser uma boa pedida para quem necessita inserir esse nutriente na dieta e quer fazê-lo de forma mais natural possível. Existe também o ácido fólico em forma sintética que é utilizada na produção de remédios.

fólico ácido

Benefícios do ácido fólico para a saúde

O ácido fólico é essencial para o pleno funcionamento do nosso corpo, pois ele contém outros nutrientes associados à sua fórmula que também são primordiais para uma boa saúde, casos do ácido glutâmico, da pteridina e a PABA.

Entre outras coisas, o ácido fólico tem uma missão fundamental que é a de atuar na formação do tubo neural, o órgão que dá origem ao cérebro, sendo, por isso, essencial durante a gravidez. Ainda sobre a gestação, vale dizer que nesse período o bebê está suscetível a má formações e problemas no DNA, como o vitiligo. Para combater isso, o ácido fólico ingerido durante a gravidez reduz o risco desse tipo de problema e deixa a criança saudável por toda a vida.

Esse nutriente também ajuda a fortalecer o sistema imunológico, pois todas as vitaminas do chamado complexo B são responsáveis pela produção das células de defesa do organismo. O ácido fólico também diminui a possibilidade de desenvolver demência na velhice, já que ele impede a queda de nutrientes essenciais para a manutenção das atividades cognitivas.

Uma das doenças que o ácido fólico também ajuda a combater é a anemia perniciosa. Trata-se de um problema marcado pela ausência no sangue dos glóbulos vermelhos, que transportam o oxigênio para todas as células do corpo.

Além disso, a vitamina B9, junto com as B6 e B12 previnem doenças cardiovasculares. Isso porque, em conjunto esses nutrientes destroem a homocisteína, um aminoácido que prejudica as placas cardiovasculares e que pode provocar hipertensão arterial e infarto do miocárdio quando em excesso.

[CONFIRA TAMBÉM: BENEFÍCIOS DA VITAMINA B12]

A ação do ácido fólico nos cabelos

ácido fólico

O ácido fólico também pode ser importante para manter a boa saúde dos cabelos. Isso porque, a vitamina B9 age no crescimento dos fios e também das unhas, já que sua atuação é focada na formação e no desenvolvimento das células.

A ausência desse nutriente pode provocar a queda descontrolada de cabelo e, caso não haja um cuidado, pode levar à calvície. O ácido fólico auxilia ainda no controle da oleosidade, deixa os fios mais brilhosos e reduz os danos causados pela dermatite.

Como consumir o ácido fólico?

Importante ressaltar que a ausência de vitamina B9 é assintomática, isto é, o corpo não dá sinais indicando a falta do nutriente. Caso necessite de reposição no organismo, é indicado que se procure um médico que irá realizar o diagnóstico, buscar as causas e prescrever a dosagem correta. Em geral, deve ser ingerida uma cápsula ao dia logo pela manhã.

Já a quantidade de ácido fólico que deve ser consumida diariamente vai variar conforme a idade e depender da necessidade de cada indivíduo. Veja abaixo o total necessário por cada faixa etária:

0 a 6 meses                        —>        65 mcg

7 a 12 meses                      —>        80 mcg

1 a 3 anos                            —>        150 mcg

4 a 8 anos                            —>        200 mcg

9 a 13 anos                         —>        300 mcg

14 anos ou mais               —>        400 mcg

Mulheres grávidas          –>          600 mcg

Mulheres que amamentam   ->  500 mcg

O ácido fólico pode ser adquirido em comprimidos, cápsulas ou em gotas, sendo esta a mais recomendada para gestantes e crianças. Há também outros suplementos vitamínicos que incluem esse nutriente, especialmente os que são indicados às grávidas.

O valor do ácido fólico vai variar do laboratório e também do formato a ser adquirido. As caixas com comprimidos e cápsulas são geralmente mais baratas, custando entre 15 e 25 reais um pacote com 30 comprimidos de 5 mg. Já a solução oral pode variar de 25 a 35 reais.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votes, average: 1,50 out of 5)
Loading...

Leave a Reply