5 Dicas para Evitar Lesões na Corrida de Rua

A corrida pode ser caracterizada por uma competição de velocidade e resistência onde os corredores tem o objetivo de conseguir realizar o percurso em um menor período de tempo.

No entanto, a corrida pode ser praticada por pessoas que simplesmente gostam do esporte, sem a necessidade de competições e tempo determinado para fazer um percurso.

A corrida é uma prática que traz inúmeros benefícios para a saúde, é justamente por isso que o número de adeptos está aumentando cada vez mais. É fundamental que a atividade seja executada de forma correta para evitar incômodos que podem ser sentidos durante e depois do esporte.

Lembrando que cada pessoa, possui uma biomecânica diferente para correr, portanto, a postura do corredor deve ser atrelada a altura bem como ao comprimento dos membros.

corrida de rua

Quais são as principais dicas para evitar lesões na corrida de rua?

Na maioria das vezes, as lesões na corrida de rua podem ser evitadas se o praticante buscar entender mais sobre a ” simetria do corpo”, é necessário ter uma preparação para utilizar toda a musculatura de forma correta.

Por isso, as melhores dicas para evitar lesões são:

1- Procure orientação de um médico

Nem sempre, sair correndo por aí sem saber como fazer isso é a solução. Existe um preparo, especialmente no quesito ” saúde”.

O médico vai avaliar como está a saúde no geral, além de verificação muscoesquelética, geralmente realizada pelo ortopedista. Atualmente, existem exames mais avançados de simetria corporal, O FMS ( Funcional Moviment Screen) é um deles.

Nessa avaliação, são verificadas os encurtamentos, desequilíbrios e fraquezas  que podem desencadear dores e até mesmo levar a uma lesão mais séria. O objetivo desse exame, é fazer com que o corpo fique alinhado e tenha um rendimento maior na corrida, com menos riscos de se machucar.

Outro exame bastante conhecido é a ” Avaliação Isocinética”, é utilizado um equipamento que mostra ângulos do joelho e quadril que possam ter músculos enfraquecidos fazendo com que o corredor perca o equilíbrio.

A prevenção é um passo a frente para ter um bom rendimento no esporte e não se lesionar.

2- Escolha um bom tênis

O tênis é o principal acessório de um corredor, ele precisa ser apropriado, com amortecedor e ventilado para proporcionar conforto e evitar lesões.

A maioria das lojas de esportes tem uma sessão específica para tênis de corrida, é essencial que eles sejam adequados ao peso, gênero e tipo de pisada de cada corredor, por isso, é preciso provar e sentir que realmente é o tênis ideal para a prática do esporte.

3- Prepare seus músculos

Para correr, é preciso ter força muscular, desse modo, os treinos não são tão exaustivos e o rendimento melhora significativamente.

Quando a musculatura está fortalecida, os riscos de lesões diminuem, especialmente nas articulações e tendões. Para conseguir bons resultados, podem ser usados os treinos de musculação, funcionais e até mesmo pilates e yoga.

Nesse caso, é ideal contar com a ajuda de um preparador físico.

4- Escolha bem o terreno para correr

Aqueles que não são atletas ou estão começando a correr podem ter o privilégio de escolher o terreno que vão praticar o esporte. O objetivo é um solo que potencialize a absorção de impactos, esse não é caso de asfaltos de concreto, infelizmente, eles são os menos indicados para isso.

Uma boa sugestão é correr na grama e trilhas de chão batido ( terra).

5- Alongue-se

Quando a musculatura é muito encurtada, ela tem mais riscos de lesões e estiramentos, portanto, para evitar esse problema, a dica é melhorar a flexibilidade dos músculos e tendões, isso é conseguido através de treinos de alongamento.

O alongamento permite que  os músculos se tornem bem mais resistentes aos impactos, mas eles devem ser realizados de forma sutil, sem causar dor. O número de sessões semanais, devem ser indicados pelo preparador físico.

Resumindo, o preparo físico que antecede a corrida é fundamental para evitar lesões. Além disso, excesso de treino ( Overtrainning) também devem ser evitados para não causar prejuízos à saúde, a melhor forma de aumentar os treinos, é fazer isso gradativamente e sempre orientados por um profissional, caso perceber que não está conseguindo sozinho.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply